Send to a friend Imprimir

Voltar A preservação da saúde e a protecção do ambiente

Canson et l'environnement

O papel Canson não contém qualquer substância tóxica para o ambiente(1)

 

Qu’O que é o regulamento REACH (2)?

Desde Junho de 2007, a nova regulamentação europeia sobre os produtos químicos tem por objectivo proporcionar uma melhor protecção da saúde e do ambiente. Até 2018, o mais tardar, todas as indústrias químicas deverão fornecer os dados de segurança sanitária e ambiental sobre todas as substâncias que vendem. Em seguida, o REACH irá identificar as substâncias químicas extremamente preocupantes (SVHC segundo o art. 57.º Regl. n.º 1907/2006) que irão necessitar uma autorização para serem produzidas e utilizadas.

 

Como ter a certeza de que os papéis para o desenho e arte não são perigosos?

Cada elo da cadeia deve declarar a presença ou ausência de substâncias extremamente preocupantes.
A Canson actua segundo o princípio de precaução e decidiu substituir todas as substâncias tóxicas dos seus papéis. Por conseguinte, as Papeteries Canson não utilizam qualquer substância tóxica ou extremamente preocupante no fabrico dos seus papéis.

Através da eco-concepção dos nossos produtos, reduzimos o nosso impacto ecológico ao substituirmos as substâncias químicas tóxicas para o ambiente, assim como nos vernizes e nas colas.  

 

(1) Refere-se ao papel fabricado pelas Papeteries Canson® ao qual não é acrescentado qualquer produto químico classificado como tóxico durante o respectivo fabrico
(2) REACH (Registo, Evaluation (Avaliação) e Autorisation (Autorização) de substâncias CHimiques (Químicas)

 

"A ausência de produtos tóxicos nos nossos papéis é essencial por dois motivos: a permanência das obras através dos séculos e a redução do impacto ambiental. É por isso que antecipamos sobre a regulamentação Reach e produzimos a enorme maioria dos nossos papéis de Belas Artes sem ácido e sem branqueadores ópticos. Os nossos papéis envelheçam melhor porque não se tornam amarelados e, sobretudo, preservamos o ambiente limitando as substâncias perigosas potencialmente rejeitadas pelos nossos estabelecimentos de produção."
Catherine Barthe, Directora da Marca Canson